Instale nosso app na tela do seu celular


Participe do nosso grupo no
WhatsApp
Japeri
Japeri
Japeri
Japeri



  • Evento Online: O PATINHO FEIO


    O PATINHO FEIO
    Trupe Investigativa Arroro Cênico, de Nova Iguaçu, ambienta conto clássico de Hans Christian Andersen no Nordeste brasileiro e aborda temáticas como bullying e diversidade

    O Patinho Feio - FOTO Camila Curty_7.jpg

    Diz-se que quem conta um conto, aumenta um ponto. Se não fosse assim, como chamar a atenção para tantas histórias, já contadas muitas vezes ao longo do tempo? Mas e se ao invés de aumentar um ponto, partíssemos de outro ponto, nem que seja de vista, para contar uma história já revisitada de muitas formas? É isso que acontece nesta versão de “O Patinho Feio”, nova produção da Trupe Investigativa Arroto Cênico. Contemplado pelo edital Retomada Cultural RJ, o espetáculo tem patrocínio do Governo Federal, Governo do Estado do Rio de Janeiro e Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa do Rio de Janeiro, através da Lei Aldir Blanc.

    Situada no Nordeste do Brasil e com personagens típicos dos terreiros do sertão e de nossas matas, como o calango, o jumento e o urubu, a peça atualiza a dicotomia entre feio e bonito, trazendo a reflexão sobre as diferenças, a riqueza da diversidade, o processo de entendimento, aceitação e acolhimento do outro, seja lá quem for este outro. Esta nova versão de “O Patinho Feio” é uma livre adaptação teatral em forma de cordel – assinada em conjunto por Cesário Candhí, Beto Gaspari e Marcos Covask – do conto homônimo de Hans Christian Andersen. Mergulhando no universo da cultura popular e com trilha sonora original de Beto Gasapri, em cena os atores Carla Nunes, Cesário Candhí, Erick Galvão, Nancy Calixto e Ph Silva se desdobram nas funções de cantores, músicos, contadores de história e declamadores. O projeto surgiu do desejo da trupe por fazer um musical infantil, com características regionais brasileiras que mostrasse valores importantes com fácil compreensão para o público-alvo da peça: as crianças.

    Inspirada numa obra literária e montada de forma a mesclar teatro com contação de histórias, o espetáculo fez sua primeira apresentação, em formato online, no mês de abril no Festival Literário da Baixada Fluminense (FLIBA 2021). Após a estreia, a trupe integra a programação do projeto “Caravana Cultural de Cordel” contemplado no Edital de Fomento e Aquisição de Bens e Serviços do município de Nova Iguaçu, através da Lei Aldir Blanc. O evento é um conjunto de ações de cunho sociocultural que visa levar para os moradores do município de Nova Iguaçu a literatura de cordel, tipo de literatura oriunda do nordeste do Brasil com poemas impressos em pequenos folhetos. Trata-se de uma iniciativa que viabiliza o acesso a uma das expressões da cultura popular brasileira de maior relevância. O projeto foi idealizado pelo artista Marcos Covask e é produzido pelo coletivo “Confraria de Teatro Nau dos Loucos” em parceria com a “Trupe Investigativa Arroto Cênico”. Será realizado no Instituto Chrisan no bairro Ponto Chic em Nova Iguaçu. A programação do evento é composta de Apresentação Teatral, Contação de História, Workshow com o repentista Miguel Bezerra, Exposição Itinerante de Cultura Popular, Oficina de Literatura de Cordel e Oficina de Xilogravura.

    O vídeo do espetáculo “O Patinho Feio” ficará disponível no dia 29 de abril de 15h às 21h no canal do YouTube da Trupe Investigativa Arroto Cênico.

     

    SERVIÇO:

    Espetáculo: O PATINHO FEIO

    Dias e Horário: 29 de abril de 15h às 21h

    Local: YouTube da Trupe Investigativa Arroto Cênico

    Ingressos: Gratuito