Moradora de Japeri sofre assédio e caso repercute na mídia - Site Japeri Online
SETEMBRO AMARELO

Japeri

Participe do nosso grupo no
WhatsApp


Japeri
Japeri
Japeri
Japeri

Moradora de Japeri sofre assédio e caso repercute na mídia


Os telejornais de hoje (7/7) mostraram mais um caso de assédio sexual acontecido no transporte público. Larissa Almeida gravou o assédio que sofreu no trem da Supervia e sua denúncia repercutiu bastante e serviu de alerta para um crime que muitas vezes não se denuncia, mas acontece frequentemente.

Em meio ao medo de denunciar e se expor da maioria das mulheres, Larissa teve coragem e sua atitude pode ajudar no combate ao assédio que não se restringe aos transportes públicos, mas também nas ruas, nas escolas, nos mercados, ou seja, em qualquer lugar.

Em entrevista à Record TV, Larissa disse que se cansou de ficar calada e quer dar voz à mulheres que se já passaram por isso.

Segundo informação da reportagem, a mulher do criminoso afirmou que é a segunda vez que ele passa por isso, dando a entender que ele é uma vítima, porém se é a segunda vez que ele é acusado de assédio é porque antes as mulheres não denunciaram.

Ligue 180

O canal gratuito funciona 24 horas por dia, todos os dias da semana, no Brasil e em outros 16 países: Argentina, Bélgica, Espanha, EUA (São Francisco e Boston), França, Guiana Francesa, Holanda, Inglaterra, Itália, Luxemburgo, Noruega, Paraguai, Portugal, Suíça, Uruguai e Venezuela.

O serviço também pode ser acionado por meio do aplicativo Proteja Brasil. Além de registrar denúncias de violações contra mulheres, encaminhá-las aos órgãos competentes e realizar seu monitoramento, o Ligue 180 também dissemina informações sobre direitos da mulher, amparo legal e a rede de atendimento e acolhimento.





Parceiros




  • Open chat