fbpx

[Editorial] Como ficam as aulas neste período de pandemia?

Nas redes sociais, é possível ver a movimentação dos colégios particulares de Japeri para colocarem em prática as aulas durante este momento de pandemia.

Colégios como Triunfo Ágape, Colégio Bonfim, Cnec e Carvalho Braga já estão se movimentando para criar estratégias de envio de conteúdos para seus alunos. Esse debate é importante poque cada escola tem com os pais dos alunos um contrato de prestação de serviço e nele, uma relação de financeira que é muito delicada neste momento.

Se por um lado as escolas estão colocando em prática seus planos de ação para o período de pandemia, muitos pais de alunos vivem um dilema em relação às mensalidades de seus filhos. Isso se dá porque muitos pais e responsáveis trabalham como autônomo, no comércio que precisou ser fechado ou mesmo na prestação de serviços em casas de família. Nestes casos, muitos já estão sem perspectiva de renda para o próximo mês.

Nesta segunda (23), o secretário de Educação do Estado do Rio fez um pronunciamento indicando que as aulas estão suspensas por mais 90 dias. Isso criou um alerta nas escolas que precisarão negociar com os pais de seus alunos a melhor forma de resolver isso.

A diretora de uma escola fez uma live no Facebook comentando que teme não poder pagar os salários dos professores e não poder dar o suporte necessário para que os alunos tenham o mínimo de perdas neste momento.

O importante é pais, donos de escolas e professores se unirem para que todos tenham o mínimo de perda possível, porém o certo é que todos perderão! Precisamos pensar no coletivo neste momento!

E na rede pública?

Na rede Estadual, os alunos terão acesso a um aplicativo do Google para terem as aulas durante este período. Na prefeitura do Rio, os alunos poderão acessar os conteúdos também através de uma aplicativo. Por aqui, a prefeitura também está trabalhando em estratégias para oferecer os conteúdos para os alunos da rede municipal.

WhatsApp chat
Skip to content