Prefeitura rebate SEPE-Japeri em nota de repúdio - Site Japeri Online
SETEMBRO AMARELO

Japeri

Participe do nosso grupo no
WhatsApp


Japeri
Japeri
Japeri
Japeri



Oferecimento:

Japeri


Japeri





Prefeitura rebate SEPE-Japeri em nota de repúdio


A Prefeitura de Japeri publicou em sua página do Facebook uma nota de repúdio em resposta às ações promovidas pelo Sepe-Japeri. Confirma as reivindicações do sindicato neste link.

“A administração municipal de Japeri vem a público repudiar os atos de agressão moral e desrespeito praticados pelos grevistas comandados pelo SEPE-Japeri, e alguns poucos profissionais que integram a rede municipal de educação, atos estes que vem ocorrendo em nosso município, não só pelas ações vexatórias que nos impõe, mas também por utilizar-se de declarações que se encontram divorciadas da verdade.

Ao contrário do que o SEPE-Japeri propaga, o governo não ofertou aos profissionais da educação R$ 0,20 (vinte centavos) de aumento, e sim cumpriu a lei que estabelece a obrigatoriedade de tal medida. Sendo assim apenas cumpriu o exposto em Lei utilizando com base o menor índice possível, mencionando tal dispositivo na mensagem de Lei que encaminhou a Câmara Municipal, sendo certo que já havia comunicado, mais de uma vez, a todos os interessados a impossibilidade de conceder, neste momento, reajuste.

Em seus comunicados, o SEPE deixou de mencionar que, nos últimos 06 (seis) anos, o Governo Municipal mais que dobrou os salários dos professores, já que ofertou aos mesmos 103% (cento e três por cento) de reajuste, alcançado assim o patamar de um dos melhores salários do Estado.

Após anos de espera, o governo municipal promoveu Concurso Público onde convocou todos os candidatos classificados, aprovados e cadastro de reserva, sendo certo que, apenas para o cargo de professor, deu posse para aproximadamente 300 (trezentos) profissionais.

O Governo Municipal defende toda e qualquer manifestação democrática, pacifica e ordeira, mas, na mesma medida, repudia todo e qualquer tipo de agressão a moral e a liberdade individual das pessoas. Movimentos como esse devem ser realizados com respeito, dialogo e entendimento.

O que os fatos demonstram é que o Sindicato de representação da categoria age pela pressão e imposição, na tentativa de fortalecer a sua bandeira de luta, pensamento e preferências políticas.

A Prefeitura Municipal informa que está tomando as devidas providências para assegurar a paz e a tranquilidade dos servidores, já que as ações realizadas na porta da Prefeitura, bem como nas unidades municipais de ensino impedem o trabalho dos servidores, além de atrapalhar o bom andamento das aulas.

A administração municipal está à disposição de toda a comunidade japeriense para esclarecimentos, especialmente no que tange respeito a real situação econômica e financeira (receita e despesa) do município, o que pode ser verificado no Sítio Eletrônico, mais especificamente no Portal Transparência, onde também se poderá constatar a remuneração percebida pelos profissionais da Educação.

Desde agosto de 2015, ou seja, num intervalo de sete meses, a administração municipal recebeu os profissionais da educação em seis oportunidades, ocasião em que vários pontos foram discutidos, com o objetivo de se obter os melhores resultados da Educação do município, além de atender aos anseios da categoria.

Agora, estranhamente num ano eleitoral, restando apenas seis meses para a eleição municipal, vem o Sindicato desencadear uma greve, buscando instalar a desordem em nosso município.

Aos pais e alunos, comunicamos que estamos buscando uma solução para o fim desse impasse, objetivando não prejudicar o regular andamento do ano letivo de 2016, e informamos ainda que haja reposição das aulas destes dias de paralisação.

PREFEITURA MUNICIPAL DE JAPERI”





Parceiros




  • Open chat